Teste - Prensa manual – força dos membros superiores
Equipamento ou material utilizado: Dinamómetro.

Antes da aplicação do teste, a pega do dinamómetro deve ser ajustada ao tamanho da mão de cada sujeito. O executante encontra-se de pé com os braços ao longo do corpo sem contacto com o tronco. Deve manter-se o cotovelo ligeiramente flectido (aproximadamente a 200o).

O teste é feito primeiro à mão dominante, e em seguida à não dominante. O avaliador deve ter a percepção de que o executante está a fazer a máxima força que lhe é possível. Deve haver o reforço por parte do avaliador de “aperte o máximo que puder”, e se necessário usar outras formas de incentivo para que o executante faça o teste efectivamente. Devem ser permitidas 3 tentativas alternadas em cada mão, com pausas de 10 a 20s de intervalo. A força deve ser realizada durante a fase da expiração e deve ser evitado o bloqueio da glote (manobra de Valsalva).

Recolhe-se o valor de cada tentativa. Se a diferença entre cada valor estiver dentro de 3 kg, considerase o teste completo. Se se observar uma diferença maior, o teste deve ser repetido após tempo suficiente de descanso.

Calcula-se a média de cada mão. É essencial que as agulhas do dinamómetro estejam na posição zero em cada tentativa.

forcaMemSupAdultos.jpg 
Voltar
Instituto Português do Desporto e da Juventude, I.P.